quarta-feira, 11 de abril de 2012

Sparks















Deve ter dado um tremendo susto.

16 comentários:

Ron Groo disse...

Para mim nunca ficou claro se houve um toque ou o pneu estourou sozinho... Mas vendo pelo lado do cara do carro de trás, qualquer que fosse a situação, foi realmente um suto daqueles.

Ituano Voador disse...

hahahaha... susto tomou meu vizinho com a gritaria que saiu em casa quando esse pneu explodiu, umas 4h da manhã. Pena que, no fim, não deu para o Piquet.
E admitamos: o Leão segurou muito bem o carro nessa hora.

Ricardo Reno disse...

Inclusive para quem vinha atrás dele.

Rodrigo Keke disse...

Uma das cenas mais significativas do automobilismo, sem dúvidas.

Anônimo disse...

Além do susto, pneu estourado e fagulhas, foi-se o campeonato, certo?


um abraço,
Renato Breder

Anônimo disse...

Devia estar na sessao "Ta Doido"!!! hehe

Ingryd Lamas disse...

hahahahaha Sem dúvidas que sim!

E.Martins disse...

O piloto de trás até pendeu o pescoço pro lado... E o controle do Leão foi fantástico.

Vinicius Netto disse...

Esse campeonato era do Mansell. Piquet que me desculpe mas ele merecia.....pena que foi muito azarado

Anônimo disse...

E lá se foi mais um título perdido pelo Manssell esse sem erro da parte dele...

Rafael Schelb disse...

Susto do Leão e alívio do Professor!

Anônimo disse...

Mansell perdeu o campeonato por NÃO trocar os pneus e Piquet perdeu por TROCAR os pneus, caindo o campeonato no colo de Prost. A equipe ficou com medo do que aconteceu com Mansell e chamou Piquet para a troca, mas provavelmente os pneus dele aguentariam até o fim, como aguentaram os do frances!

Anônimo disse...

1986: uma das melhores temporadas!! Senão a melhor!

Já ouvi dizer (não sei se procede, os amigos daqui poderiam ajudar, Breder principalmente) que, infelizmente, o carro do bigodudo não parou no meio da reta, para interromper a corrida. Se isso tivesse ocorrido, a prova seria finalizada porque, segundo o regulamento da época, já havia transcorrido mais de 75% da prova. Com isso, o inglês iria angariar os pontos e seria o campeão daquele ano...


Carlos Henrique

Marcos Antônio Filho disse...

Nigel Mansell, campeão moral de 1986. E tenho dito!


=P

*Maldito pneu, aquele ano era dele!

Ituano Voador disse...

Os pneus de Piquet não durariam até o final da corrida. Rosberg, que também estava tentando fazer a prova inteira sem troca de pneus, teve o seu dechapado uma volta antes do Mansell. Quanto a Prost, ele já havia trocado os pneus no começo da prova, em uma parada inesperada por conta de uma rodada, e por isso pôde ir até o final sem precisar de outra troca.
O curioso é que a recomendação de desnecessidade de trocas partiu da própria Goodyear, que havia garantido às equipes que os compostos durariam a prova inteira.

TW disse...

Haja braço para segurar o carro.

E acho que se houvesse o toque, alguma parte do carro de trás sairia voando. Estourou sozinho.