sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Super Aguri



















Olha quem a Fórmula E trouxe de volta!

A Super Aguri é o sexto time a confirmar participação na nova categoria dos
elétricos que terá início no ano que vem.

9 comentários:

Rafael Schelb disse...

Cara, que coisa esquisita esse carro...

maxwellman disse...

Mas quem diria! Será que a a próxima é a Arrows?

João Pedro S. de Oliveira disse...

a todos àqueles que acham que a formula E é perda de tempo, que é um saco, que é isso que é aquilo, tudo de ruim etc etc etc.... me respondam algumas perguntas:

o petróleo vai durar mais quantos anos??

vcs se imaginam usando carro a combustão interna daqui a 50 anos??

a formula E é o futuro!! a F1 daqui a 50 anos vai ser toda elétrica!! Não incentivar este tipo de tecnologia é dar um passo atrás !!!

Humberto Corradi disse...

João Pedro S. de Oliveira

Concordo em parte.

Só acredito que o futuro pertence aos biocombustíveis, ainda mais quando vejo uma gigante como a Shell direcionando toda a sua pesquisa para isso.

Valeu

Carlos Gil disse...

Esta Formula E poderá ser uma montra tecnológica muito interessante, e permitir o surgimento de novas ideias para a mobilidade eléctrica.

Os motores de combustão interna ainda têm espaço para evoluir. Sejam alimentados com combustíveis ou com os chamados bio-combustiveis.
Os combustíveis fósseis (petróleo e gás) ainda têm muitos anos de exploração pela frente. O fim da sua utilização não depende de quando eles vão acabar, mas sim quando deixarão de ser financeiramente competitivos face ás alternativas.

A electricidade enquanto energia motriz de veículos automóveis veio (será mais correcto afirmar que regressa) para ficar.
Alimentados por baterias com ligações à rede eléctrica, alimentados por baterias com ligação a motores de combustão interna, alimentados por sistemas de produção de energia integrados nas viaturas, alimentados por sistemas híbridos que integrem vários destes ou outros sistemas; os veículos eléctricos vêm para ficar.

Os dias da dependência de apenas uma solução energéctica estão a terminar, e o futuro da mobilidade (e não só) certamente não será apenas eléctrico, irão existir soluções energéticas complementares em função da sua relação custo/eficácia para os diferentes contextos tecnológicos, geográficos, climáticas, sociais, etc.

Alguém consegue imaginar as alterações económicas, sociais e politicas, que resultarão do fim da era de monopólio energéctico por parte dos combustiveis fósseis?

A acompanhar.

CG

Ron Groo disse...

Gostava deles. Tomara que se deem bem na E.

Andrews Gonçalves disse...

Yuji Ide tbm confirmou presença ??


(.. seria lindo de ver, kkk)

Secastro disse...

Formula 1 elétrica? Sem nenhum barulho?
"I hope I die before I get old" (Pete Townshend, The Who, My Generation).

Gabriel Martins Pinto disse...

Que legal esse carro me lembra os carros da f1 antes de 2009