terça-feira, 17 de julho de 2018

A Conta





















Um infográfico sobre as diferenças de orçamento entre a atual
temporada e a anterior.

(clique na imagem para ampliar)

Umas notas.

Testemunhe o rombo de 300 milhões deixado pela Honda ao sair da
McLaren e amortizado em 100 milhões pelos acionistas principais
da equipe.

A chegada da Alfa Romeo mudou a Sauber, não?

E olhe os números.

Lembre-se que há uma proposta de redução onde haveria um teto
de 150 milhões de euros.

4 comentários:

Daniel Chagas disse...

É a confirmação de que a Mclaren segue os passos da Williams e
de que foi uma burrice colossal em deixar a Honda. Faço um paralelo com a "separação" Williams/BMW.

Renato Santos disse...

Alfa Romeo ou Simone Resta?

Fabrizio Salina disse...

O que me intriga é a McLaren... esse monte de grana era gasto só com a equipe ou incluía desenvolvimento do motor?

Se foi só para equipe, os caras são muito ruins de projeto e serviço. Vejamos: poderiam ter buscado os bons engenheiros da Force India, que vem produzindo carros decentes com "muito pouco" e até tentar cooptar o projetista James Key, da Toro Rosso. Poderiam ter desenvolvido uma base de chassi decente, com conceitos adaptáveis para uma eventual mudança de motor, o que os deixaria numa boa situação atual. Esse Zak Brown dá pena quando pensamos no que foi Ron Denis.

Társio disse...

Depois do GP da Alemanha o Corradi não atualizará o blog nunca mais rsrsrsrsrs.

Abç
Tarsio