quinta-feira, 14 de junho de 2012

Papagaio
































Bom dia a todos.

O falastrão do Eddie Cheever. 1985.

Não entendeu?

Clica aqui .

12 comentários:

Speeder_76 disse...

Pelo aspecto, é Spa-Francochamps 1985. Resta saber se foi em maio ou setembro, não é?

ALEX disse...

belíssima imagem!

Verde disse...

- Hey, Eddie, qual é a melhor coisa de ser um piloto de Fórmula 1?
- Os cheques são bons.

ENTREVISTA EM 1989.

.................................

- Fiz poucas voltas, bati, abandonei e ainda sou o americano com o maior número de pontos na temporada.

APÓS O GP DO CANADÁ DE 1989. DETALHE: CHEEVER ERA O ÚNICO AMERICANO A TER CORRIDO NAQUELA TEMPORADA.

...............................

Um cara gente boa, pelo visto.

fernando disse...

muito legal essa foto, foge completamente do maneirismo das fotos 'borradas', tiradas em baixa velocidade do obturador, que hoje em dia são praticamente mandatórias dentre os editores de imagens no jornalismo da F1.
quem 'criou' esse maneirismo foi o alemão Schlegelmilch, ainda lá nos anos 70 (talvez mesmo antes nos 60), mas então , a partir dos 90, um batalhão de fotógrafos ingleses, somados a uns poucos franceses, tratou de usar e abusar daquela técnica.

nessa o movimento está congelado, e o forte da imagem está na composição gráfica e no contraste duro das cores.

* obturador: eita palavra feia, em inglês é shutter, que também não refresca muito, pois tem sua origem na cortina rígida que abria e fechava (=shut) à frente do filme,permitindo a passagem da luz que desenha a imagem, antigamente na película, hoje em dia no sensor.
de todo modo um termo do tempo quando a fotografia era um sistema analógico - vixe, isso já faz tempo...

fernando disse...

Speeder_76, pelo luz dura do sol a pino eu chuto que a foto foi tirada em maio - embora sem nenhum argumento racional nisso, puro palpite que em setembro não haveria tal luz. sei lá.

Anônimo disse...

Foi o maior falastrão, tudo bem que até "fez um bonito" nas categorias de acesso, se bem que andando sempre em equipes fortes/de fábrica, kmas na F1 foi um banana!

A menos que eu esteja enganado. . .

Em suma, o unico italo-americano que mandou bem na categoria foi o Mario Andretti. . .

Zé Maria

Anônimo disse...

Fernando,

eu também acredito que a foto seja de maio/junho - o GP estava agendado anteriormente para os dias 30 de maio a 2 de junho, e acabou ocorrendo em 13-15 de setembro.

Penso assim mais pela condição do asfalto. Está muito mais esciro que o normal, sinal de que é novo. É sabido que houve problemas com o asfalto em junho ('desmanchu-se'), e que depois precisou ser refeito. No entanto, como o circuito de Spa-Francorchamps faz parte das rodovias belgas (ou seria o contrário?), em 3 meses de uso (até setembro) o aspecto não seria mais esse...

E é mesmo uma bela foto!

um abraço,
Renato Breder

marcio jose disse...

quanto mais criamos expectativas,

maiores serão as decepções.

descubra primeiramente seus limites,

para depois se comparar aos outros.

fernando disse...

boa Breder.

agora me toquei que eu tinha na mente uma lembrança de uma rápida cena no video da temporada de 1985, mostrando o asfalto se desmanchando sob o sol forte, numa luz muito parecida com a dessa foto.
também eu já estive lá, mais de uma vez, em mês de setembro, e do que me lembro, mesmo ao meio-dia, a luz não assim nessa época do ano.

mas o que você notou do asfalto é perfeito e lógico, pois justamente em sol a pino o dito continua se mostrando num tom bastante escuro; e acho provável, quase certeza, que o tom super escuro do asfalto tenha determinado a escolha intencional dessa exposição de foto pelo fotógrafo, fazendo saturar as outras cores.
esse resultado aí tem tudo a ver com filme cromo (slide), que era o tipo top profissional na fotografia analógica.

Rodrigo Keke disse...

Foi em 1985 que o Mansell enfiou a mão no asfalto de Spa para mostrar o - péssimo - estado do mesmo para os jornalistas certo?

Humberto Corradi disse...

Rodrigo Keke

Mais dessa história aqui:

http://f1corradi.blogspot.com.br/2011/09/estragado.html

Valeu

Rodrigo Keke disse...

A-ha! Foi aqui que fiquei sabendo dessa anedota...

Valeu Corradi!