quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Conversa Rápida























Na Olimpíada do Rio também tem motor.

Pelo menos no atletismo.

Pergunto ao Tordo se existe algo para contar.

"Nada. Está todo mundo de férias." Responde.

O Esteban Ocon que vai correr com o número 31 na Manor.

(retruco)

"E isso lá tem importância?

Vai colocar essa bobagem no seu Blog?" Ele reclama.

Verdade.

(reconheço)

Mas a declaração de Claire Williams dizendo que ela quer entregar um carro
competitivo para Valtteri Bottas possui relevância.

"OK." Ele concorda economizando nas palavras.

Além disso a filha do Frank afirmou que o piloto finlandês pode construir uma
equipe no seu entorno.

(arremato)

Falo ainda que isso pode indicar que o acordo de Jenson Button com a Williams
pode ter ficado mais difícil de se concretizar.

Inconformado com a desvantagem, o pequeno pássaro italiano começa a dar com
a língua nos dentes.

"Falando em Williams, o bambino Lance Stroll deve aparecer pilotando pela Casa
de Grove nos primeiros treinos livres no México, Brasil e Abu Dhabi. As três últimas
etapas desta temporada."

Então havia algo para contar! (falo sem perder tempo)

"Basta!"

Igual uma porta...










8 comentários:

Anônimo disse...

Corrari, então é praticamente certo que o Massa pilota pra Renault no ano que vem? Essa declaração da Claire soou mais como ressentimento da parte dela do que como informação. Ou estou quadradamente enganado?

[]s, Rodrigo

Dicas para quem quiser disse...

Teremos um Felipe ou dois em 2017 ?

Jeferson Araujo Pereira disse...

Forçando a barra para fazer uma "conexão" entre a F1 e a olimpíada: o treinador de Serguei Bubka, Yelena Isinbayeva e o brasileiro Thiago Braz tem o mesmo nome de um piloto que correu na F1 entre 2010 e 2012: Vitaly Petrov.

Jeferson Araujo Pereira disse...

Se acontecer mesmo, será uma imagem bem feia e constrangedora para quem já foi quase campeão da F1: Lance Stroll substituindo Felipe Massa em treinos livres.

Fagner Oliveira disse...

É serio que você viu ressentimento em Claire Williams neste recorte? O que você acha que o Massa representa pra Williams hoje? Apenas um salário elevado e vexames! O texto me lea a pensar apenas que mais um brasileiro encerra a carreira esculachado pela Williams (sem culpa da equipe). E só pra concluir, negociar com Renault não significa necessariamente que a Renault está interessado no piloto, significa que a equipe recebeu o empresário com uma proposta (Ex. O Rubarrichelo negociou com metade das equipes quando se aposentou). Se eu fosse o "Zaca" falaria com meu agente tentar com Haas aproveitado o know-how do trabalho realizado na Williams onde ajudou na reestruturação. Ou é isso, ou é Stok Car

Anônimo disse...

Caro Fagner, obrigado pela resposta ao meu comentário. Não sou dos que idolatram piloto A ou B, muito menos dos que soltam que tais pilotos são uma vergonha, um vexame ou coisa que o valha. O Massa tem seu valor na F1, por mais que receba críticas descabidas aqui no Brasil (não é o seu caso, por favor). Ao que consta, sempre foi um piloto bem cotado na F1, tanto por seu talento como também por conta dos patrocinadores que leva consigo. No caso da Renault, independente de quem procurou quem, ele é cotado para uma das vagas (de novo, por conta do que leio por aqui e lá fora). Quando falei do ressentimento da Claire, foi no sentido de ela poder não ter gostado de ver o staff de seu piloto negociando com outra equipe, ainda sob contrato com a Williams. Se vai parar na Renault, na Haas, na Manor ou em alguma equipe da Stock, só o tempo vai dizer. Mas acho que, por ora, seu tempo na F1 ainda não acabou. Abração e inté! Rodrigo.

Daylson Elder disse...

Triste ver um brasileiro nessa situação.Pior que se ele sair nesse ambiente conturbado,vai afetar muito a sua imagem e o que restará? Nada.

Anônimo disse...

Falta o palhaço com o "bumbo" anunciando a chegada do circo. A F1 caiu no ridiculo faz tempo
Marcelo