segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Varano


















Você conhecia?

Eu não!

Esse aí em cima é o Circuito de Varano.

Localizado próximo a região de Parma, na Itália.

Foi fundado em 1969.

Geralmente utililizada apenas para corridas domésticas, a pista serviu a uma causa
nobre em 1976.

Foi realizada lá uma corrida que tinha por objetivo arrecadar fundos para as vítimas
do terrível Terremoto de Friuli que devastou na época o norte de Udine.

Vários pilotos da Fórmula 1 abraçaram a ideia e participaram.

Nomes como Niki Lauda, Emerson Fittipaldi, Clay Regazzoni e Jody Scheckter,
entre outros.

O autódromo hoje se chama Riccardo Paletti em homenagem ao piloto italiano
morto em 1982.

Legal.

9 comentários:

Juanh disse...

Hermoso circuito, bastante trabado, parece corto. Me gusta el dibujo. Buen homenaje para Paletti.
Abrazos!

Rafael Schelb disse...

Já tinha ouvido falar. O tarçado parece ser curto, mas não é ruim não...

Anônimo disse...

Circuito bem simpático!

Abraço!

Mauro Santana
Curitiba-PR

Marco Memoria disse...


Tava fuçando o Google Earth uma vez e vi este circuito ai, tem aproximadamente 2.3 Km, e está em plena atividade atualmente
Link: http://www.varano.it

Juarez disse...

A morte de Paletti foi, se não me engano, a última morte em corrida televisionada na F1, antes de Senna... Se não me engano....

Anderson Lopes disse...

Essa pista vem no pack básico do simulador italiano Assetto Corsa, divertido, parece um kartodromo.

Andre Magalhaes disse...

Que Legal...igualzinho no Brasil, tem tantos bons circuitos que esquecemos de alguns...#soquenao

politicamente_incorreto disse...

Sim, em 82 foram o Villeneuve nos treinos e o Paletti numa das mortes mais imbecis da categoria, Fruto talvez da fragilidade dos bólidos daquela época aliadas a estupida capacidade de aceleração dos motores turbos.
Nessa época eram usados os monocoques com construção honey comb, a posição avancada do piloto em relação ao centro do carro e também a abolição dos bicos com aerofolios diminuiram a quantidade de massa deformável nos bolidos.
Como sempre não existe um fator isolado responsável por acidentes ou tragédias, são um somatório de fatores que concorrem para o produto final.

Felipe disse...

Conhecia apenas através de simuladores. Pista complicada, mas cativante!