quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Up to date





















Bom dia a todos.

Button e a vaga

A fonte é a melhor possível...

Esqueça.

Nem tente procurar por aí.

Jenson Button irá ficar mais três temporadas na Fórmula 1.

Depois, com 35 anos, dará adeus à categoria.

E daí?

Daí que a McLaren estará com Sérgio Perez e uma vaga de primeiro piloto.

Temos dois caminhos.

Primeiro.

O mexicano poderia brilhar nestes anos e se tornar a estrela do time.

Difícil.

Button vai mandar na equipe durante esse período.

Segundo.

A equipe contrataria um piloto experiente que estivesse em alta.

Mas Humberto isso vai demorar ainda...

Calma.

O mundo da Fórmula 1 não funciona assim.

As garantias para o futuro devem começar o quanto antes.

Nos bastidores.

Um pré-contrato poderia aparecer já no ano que vem.

Qualidades do candidato: experiente, vencedor e seguro.

Alguém arrisca um nome?

Vai ficar?

O empresário de Vitaly Petrov garante que o piloto estará no grid de Sochi.

Lembrando que o circuito russo vai estrear na categoria somente em 2014.

Fórmula das bebidas

A Lucozade está deixando de lado seus patrocínios no futebol.

Quer concentrar forças e investimentos.

Bom para a McLaren.

A marca de bebidas apóia os ingleses desde o ano passado.

Líder

Há mais de 140 voltas Sebastian Vettel não sabe o que é deixar de liderar uma
corrida.

Posição

Recado de Christian Horner da Red Bull.

"Querem baixar custos?

Limitar gastos?

Então vamos reduzir os preços dos motores..."

Entendeu?

A Caterham fala em querer manter Kovalainen.

No entanto o holandês Giedo Van der Garde vai substiuir Heikki nos treinos de
sexta-feira na Índia.

Na foto: Button e Massa.

16 comentários:

Anônimo disse...

Oi Corradi.

O caso da McLaren/Button é parte de alguma amarração com a Honda ?

Marcelo Citadini.

Blog do Júlio disse...

Humberto, em relação ao candidato para a vaga na McLaren, em três anos pode ser qualquer um. Em três anos, podem surgir vários novos vencedores.

Em 2016, Alonso ainda terá contrato com a Ferrari. Pelos boatos, Vettel também estará sob o guarda-chuva de Maranello. Hamilton estará livre e poderia voltar pra casa, rico como nunca. Raikkonen estará dando entrada nos papéis para a aposentadoria.

E aí, meu amigo, não sobrou ninguém: Koba, Kova, Massa, Rosberg, Grosjean, Maldonado...

Acho mais provável que neste tempo novos nomes surjam e consigam um lugar ao sol do automobilismo top: Frijns, de Vries (que está sendo criado a leite com pera em Woking), Costa, Kvyat. Enfim, são três anos e muita coisa (ou coisa nenhuma) pode acontecer até lá.

Mas eu discordo em relação ao Perez. Em minha opinião, é difícil dizer que Button vai mandar na McLaren. Quando ele foi pra lá, todo mundo dizia que seria engolido pelo Hamilton. E não foi isso que se viu. Até porque, a McLaren tem tradição de não dar regalias de primeiro piloto a ninguém.

Assim, acho que se Perez for bom o suficiente (e, em minha opinião, parece ser), eu acredito que ele pode ter o mesmo espaço que o Button. É óbvio que o contrário também vale: se não for bom o suficiente, vai ser outro Kovalainen.

O tempo nos dará a resposta...

David Félix disse...

Humberto se não me engano voce tencionou mencionar a Vettel ou Raikkonen, o Massa não tem o perfil e acho que já estará aposentado, para ser sincero... eu acredito que o Vettel possa ir para lá, mas com relação a Perez, não creio que ele será esquecido, o cara parece forte e deve fazer um papel melhor do que Kovalainen...

O assunto Petrov, só uma resposta... os empresários falam qualquer coisa para passar segurança aos seus pilotos, pra mim ele roda ao final do ano e pra ser sincero... sem deixar nenhuma saudade...

O Horner ta certo, se é pra baixar custos, que todos baixem e não somente as equipes...

E realmente é bem estranho ser divulgado pela Caterham que o Kovalainen pode ficar tranquilo quando a cada oportunidade ele é substituído pelo van der Garde nos treinos...

Humberto Corradi disse...

Julio

Podemos dizer que a McLaren terá em Button o seu primeiro piloto.

Seu salário em relação a Perez, ao contrário do equilibrio com Hamilton, mostra isso.

Sabemos que vida de segundo piloto não é fácil.

Olha o exemplo do Massa aí.

Só recebe críticas.

Valeu

Danilo Candido disse...

Don Alonso volta para Woking ???
Mais um desejo deste que vos escreve do que uma aposta necessariamente dita. Mas, quem sabe...

Verde disse...

A Ferrari cortejou um piloto. A McLaren chegou e o roubou. Isso aconteceu há algumas poucas semanas.

Meu palpite pra situação? Acho que isso se repetirá na aposentadoria do Button. É isso aí, Corradi?

Humberto Corradi disse...

Verde

Penso que a Ferrari deixou Perez de lado.

Está aí uma grande pista sobre o futuro de Vettel.

Quanto ao substituto de Button, não tenho um nome. Mas não acredito em aventureiros ou novidades.

Valeu

Cardozo disse...

Corradi,

pela foto, você acredita que Massa pode ser um dos pretendentes a esta vaga?

Abraço!

Peter

Humberto Corradi disse...

Cardozo

Acho que vai abrir um porta importante.

Massa poderia preencher essa vaga.

Mas estaria o brasileiro ainda na F1 até lá?

Tem que sobreviver primeiro.

Valeu

Renato Henrique disse...

Acho dificil fazer uma projeção das dança das cadeiras daqui pra 2016.
acredito que junto com Button, Webber, Raikkonen, e quem sabe Alonso saiam da categoria deixando postos cobiçados na F1. Acredito que dificilmente o Massa continue até lá numa equipe de ponta até lá. Vettel, Hamilton e Rosberg seriam veteranos lutando contra a nova geração, juntando isso ao lado da possibilidade da Red Bull sair da categoria por causa das divergências com novo pacto de concórdia. Em 3 anos poderemos ter mudanças que nós nem imaginamos. Tudo isso baseado na teoria do "eu acho"

Abraço!

Pedro Nandi disse...

Não concordo com essa possível dificuldade do Perez de se destacar dentro da McLaren... Button antes do seu ano de redenção na Brawn GP vinha no limite da degola na F1 - certo que há anos vinha guiando trambolhos, mas de fato esse era o cenário em 2008. Durante o ano do título pode mostrar ao mundo seu talento e o incrível dom de ser regular e exemplar... Enfim, é mais que lógico que ele terá todos os privilégios dentro do time, mas se o Checo souber acertar seu carro ao longo da temporada, creio que fará bonito. Afinal de contas, nesse ano de Sauber soube dar o seu recado na medida do possível.

Carlos Del Valle / Podcast F1 Brasil disse...

Kimi estará com 34-35 anos, é factível. Vettel? Só se a Red Bull mudar de ramo, o que é sempre uma possibilidade. Se os novos motores causarem uma queda da RBR pelas tabelas, pode acontecer do Dietrich vazar...

Eduardo Miler disse...

Grosjean...Acho que esse menino qdo acertar a cabeça vai fazer um estrago...Varios pilotos que fizeram muitas merdas no inicio da carreira e foram Campeões....Sempre tive essa impressão deste menino...abs

TW disse...

Seria o Kimi??

Petrov deve deixar a categoria ao finald esta temporada para correr na Rússia em 2014. Resta saber se conseguirá.

A Red Bull não é idiota, sabe que limitar os gastos seria limitá-la. Por isso é contra o RRA.

Mas o holandês não irá para o lugar de Vitaly?

Felipe Maciel disse...

O plano da McLaren está traçado há muito tempo. Grave este nome:
Nyck de Vries

PS: Quanto ao Perez, pode ser que nem fique por tanto tempo assim. Vai que seja um novo Kovalainen...

Rodrigo Felix disse...

Acho interessante a possibilidade do Massa em outra equipe que não a Ferrari. Ele ainda está muito ligado a Maranello por conta de 2008 (quem deve p/quem?).

A Mclaren, por ser especialista em trazer pilotos de outras equipes, poderia sim chamá-lo, como quase o chamou para substituir Raikkonen.