domingo, 24 de agosto de 2014

Rascunho de Domingo























Spa-Francorchamps.

Compreenda.

Era 1994 e todos ainda estavam desnorteados...

Movimentos.

A Red Bull deu sinal verde para entrada de Carlos Sainz Jr. na Fórmula 1.

Por sinal entenda que é a garantia de metade dos recursos.

A outra metade o piloto espanhol precisa conseguir com seus patrocinadores.

A porta aberta é a Caterham.

(apesar de Sainz manter conversas com a Lotus para o lugar de Grosjean)

Não sei o valor de ser companheiro de Marcus Ericsson em 2015.

Ah sim, Ericsson já está garantido para a próxima temporada no time verde.

Sobre a Red Bull podemos afirmar que Adrian Newey já está trancado com a
Renault para desenvolver o bólido para o ano que vem.

Prioridade total para isso.

Jenson Button está fora da McLaren.

Ainda insiste com a Williams e Lotus.

Williams que estranhamente perdeu o prazo de sua opção sobre o contrato de
Valtteri Bottas.

Assim o piloto finlandês está voando no mercado (e nas pistas).

Interessante.

Bottas na McLaren?

Se for isso Vettel continua na Red Bull.

(Vettel que está até trocando de engenheiro, enquanto Newey foi comemorar com
Ricciardo no pódio. hum.)

Voltando ao Bottas.

Digo que em trinta dias saberemos o destino do atual companheiro de Felipe
Massa.

Por que esse prazo?

O Tordo anda sem paciência para me explicar essas coisas!

Mudando de assunto.

Duas ideias foram abandonadas pela Fórmula 1.

O retorno da pista da Índia e o sonho do skyline de Nova Iorque.

Ambas por questões financeiras.

Fernando Alonso permanece na Ferrari (com Kimi) em 2015.

Após isso, o próprio Marco Mattiacci acha difícil.

Como não admirar a coragem de Kevin Magnussen?

E Ricciardo?

E sobre a Mercedes?

Vou falar uma coisa.

Nico Rosberg colocou na cabeça que será o campeão.

E já provou que fará de tudo que for preciso para isso.

Sei não...

Se a Mercedes não interferir, acho que uma nova geração poderá ver o famoso
quadro de Suzuka em Abu Dhabi.



















Por fim.

Sabe a Forza Rossa?

Esquece.

15 comentários:

Maico Rian disse...

Uau, o Vettel mandou o Rocquelin pastar? Agora melhora um pouco a situação dele!

Marques disse...

Nenhuma reprimenda ao Rosberguinho?
Imagino que se fosse ao contrário algumas palavras estariam escritas aqui. Sujo, simplesmente isso, o alemão está sendo sujo.

maxwellman disse...

Nada de Froza Rossa? então continuarão com a Cartehan. Mas e a Haas?

Anônimo disse...

O novo engenheiro do Vettel vai ser o atual do Perez na force Índia, enquanto o atual vai ser promovido. Ricciardo mantém o engenheiro. Dúvidas de quem é primeiro piloto na RedBull??

Renato Santos disse...

Ufa! Obrigado HC.
Não querem que o cara seja líder, motivado, faca nos dentes, agora querem botar uma coleira?

TW disse...

Corrida apimentada pelos bastidores!! Ah, os próximos dias...

Paulo Alexandre Teixeira disse...

Humberto, diz-me uma coisa:

O Joe Saward disse que correr o rumor de uma possivel venda da Marussia - mas nada antes de Sochi - e que os compradores seriam americanos. Achas que a Haas está por trás disto?

Migdonio disse...

Nico não teve culpa hoje, recolheu o carro e o Hamilton não mudou um milimetro a trajetória.
Lance de corrida, não houve má fé.

Eric Musashi disse...

Na verdade, Corradi, levando em consideração que Rosberg é o Prost, seria o quadro de 1989.

Inclusive, eram dois carros iguais, também.

Douglas disse...

Caso confirme a saída do Bottas da Williams, o carro deve ficar com o Button ou será que a Williams vai querer vender a vaga?

Humberto Corradi disse...

Meu amigo Paulo Speeder76

Parece que não tem nada a ver com o Haas.

Valeu

Anônimo disse...

re foto Eau Rouge/94: com os carros fundamentalmente iguais ao que eram em Imola e Monaco (Wendlinger) naquele ano, compreensivelmente (como vc bem lembrou, Corradi) não havia o menor espaço para aceitar inúmeros riscos elevados; nova fatalidade poderia causar um trauma prlongado demais å F1.
E obviamente , o trecho EauRouge/Raidillon era de assustar qualquer fundamentalista.
----------------------------------
Imagino Rosberg ter seguido 'conselhos' do pai, afinal, com essa hoje conseguiu afrontar toda a chefia de sua equipe, nao apenas seu team mate.

Fernando

Reube Reis disse...

Rosberg está fazendo o certo batendo o carro no Hamilton durante o campeonato e acumulando pontos, nada de deixar pra última corrida pois pode vir a ser penalizado como foi Schumacher em 97, se o Hamilton disse ser o Senna e o Rosberg o Prost, o Rosberg está seguindo a risca a temporada 89, sinceramente não sei se o Hamilton fica na mercedes não...

Társio disse...

Perante o regulamento Rosberg não fez nada de errado e não, não merecia punição.

Perante a equipe, Rosberg "quebrou" o acordo de cavalheiros em "brigar sem se tocar". Pior, fez isso na 2ª volta. Pior ainda tirou 1 carro (HAM) dos pontos e para piorar mais não venceu a corrida. A equipe deve estar irritadissima com Rosberg.

O Corradi sintetizou muito bem. Ele botou na cabeça que será campeao, custe o que custar. E ontem me lembrou demais um outro piloto alemão que adoravamos odiar.

Só temo que este tenha sido o golpe fatal no emocional do Hamilton (mas eu continuarei na torcida, é claro).

Ricciardo fabuloso ontem, enquanto Vettel "Felipemasseou" (Largou bem, foi competitivo nas primeiras 10 voltas e depois foi caindo e caindo).

A punição ao Magnussem ontem foi pífia...

Marques disse...

Não merecia punição? Vocês estão loucos. No onboard claramente Rosberg vira o carro em direção a Hamilton (não acho que bateu deliberadamente) e era facílimo evitar a batida. Quem tem de mudar trajetória é ele, pois ele estava ATRÁS. Quer ver a diferença? Com Vettel não aconteceu nada. Como em geral não gostam do inglês vão ainda querer arranjar um jeito de notar a culpa nele, patético.