quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Rascunho Borracha


























O Tordo ligou.

Estava combinado.

Logo que acabasse o primeiro dia de testes em Barcelona.

Questiono sobre os tempos.

A pergunta tem motivo.

Pastor Maldonado (1.25.011) e Kimi Raikkonen (1:25.167) bateram o tempo
da pole de Lewis Hamilton do ano passado (1:25.232).

Aí ele começa.

"Você está olhando pro lado errado."

Como? - Pergunto.

"Olhe o tempo da Force India utilizando um carro de 2014.

O carro está um segundo e meio mais rápido que na corrida aqui mesmo na
temporada passada.

Pense e me diga: o que mudou?"

Os pneus! - Respondo.

"Sim, a Pirelli entregou um composto mais veloz e que deve degradar-se mais
rápido também."

Conversamos outras coisas.

Mas isso foi o melhor resumo do treino.

A Manor (Marussia) está correndo para apresentar seus carros na Austrália.

Há o entendimento que a regra que permite não participar de 3 corridas não
vale por ano.

Mas sim para o período que abrange as temporadas que estão entre 2014 e
2020.

Portanto a cota já foi estourada no ano passado.

Porém ao colocar seus bólidos na primeira etapa (mesmo que não se classifiquem)
o time continuaria com direito a receber sua premiação de 2014.

A turma está trabalhando para isso.

Pagou todas as taxas e já agendou seu crash test.

Existe ainda um barulho no paddock que fala sobre Ron Dennis defender a entrada
da Manor para a família Honda.

Vamos aguardar pra ver.

Interessante saber que Stefano Domenicalli fez um estudo de viabilidade para a Audi
entrar na Fórmula 1.

Apesar de estar tudo OK, a marca alemã resiste.

Afinal Bernie Ecclestone ainda está lá.

E quem anda falando constantemente para a Audi que a Fórmula 1 é lugar aprazível
é a Red Bull.

A galera do energético tem todo interesse de conseguir uma nova opção de motorização.

E o Pascal Wehlein?

Nossa figurinha de ontem andou de Force India e Mercedes!

Falando em Force India, Sergey Sirotkin (com dinheiro) se aproximou de novo da
escuderia de Vijay Mallya.

Pode se tornar piloto de testes.

Outro boato coloca Kevin Magnussen no caminho da Indy.

Amo boatos!

Por fim.

A Fórmula E fechou acordo para realização de sua etapa em Londres.

A corrida se dará em Battersea Park.



















3 comentários:

Ron Groo disse...

A marussia insiste? Fecha logo as portas...
Vão por o carro na pista em Melborne, não vão pra corrida por não se classificar, vão receber o dinheiro e vão fechar as portas de vez.
E vão muito tarde.

Marcos José disse...

Então tudo indica que a Manor será mesmo a "equipe b" da McLaren-Honda pra 2016. Sem falar que um outro boato forte diz também que a McLaren está por detrás deste acordo da não falência da Marussia (atualmente Manor), com a intenção de adquirir e transformá-la na sua "suposta equipe b" tento como sócia a Honda no négócio. Eu estou achando que a VW só está esperando a fumaça abaixar um pouco para não dá na cara que já está na F1 (na minha opinião ela já teria comprando a Toro Rosso e depois transformaria a Red Bull numa espécie de sua equipe b, mas posso está errado). Vandoorne já seria o piloto titular da McLaren caso uns dos pilotos atuais titulares não fiquem pra 2016 ou ele já faria parte desta "suposta equipe b" dela(a Manor-Honda)?

Migdonio disse...

Os pneus da F1 já são um lixo, e agora a Pirelli esta fazendo um ainda pior. Teremos o que? 5 paradas por corrida.
Coitada da equipe da pizzaria.....