segunda-feira, 26 de junho de 2017

Precedente



























Spa-Francorchamps.

2011.

Pastor Maldonado x Lewis Hamilton.

O piloto da McLaren recebeu apenas uma reprimenda pelo ocorrido.

48 comentários:

Jefferson disse...

Ah simmm!!!
Agora está tudo explicado, 'il prediletto" da equipe do narizinho rampante fez aquilo pra vingar a honra do Maldonado!
Francamente...

Jefferson disse...

Mostra ai também o link do post que você deve ter feito à epoca sobre este ocorrido fazendo o favo.
Valeu?!

Bruno Rodrigues disse...

Precedente de quê?
Não entendi
Por acaso o piloto da McLaren jogou o carro deliberadamente em cima de Maldonado como Vettel fez em Baku?
Humildemente, não consegui ver a similaridade entre as situações.
Desde já agradeço posterior esclarecimento.

Gabriel Pereira disse...

tá ficando feio já
kkkkk

S.A.C disse...

Defendendo Vettel a todo custo, inacreditável, e o pior, usando Maldonado, que provocou antes, inacreditável.

Mas tudo bem, não é sempre que o protetor de hamilton vai o deixar na mão e ai vamos ver as explicações do porque de Vettel comer poeira

leof1 disse...

Você errou de novo...
"Os comissários desportivos do GP da Bélgica de Fórmula-1 decidiram punir Pastor Maldonado por ter causado uma colisão com Lewis Hamilton no fim da segunda etapa do treino classificatório deste sábado em Spa-Francorchamps. O venezuelano perdeu cinco posições no grid e largará em 21º lugar neste domingo.

Na sua melhor volta, Maldonado estava mais lento do que Hamilton e o inglês, que também vinha na sua última tentativa, o ultrapassou de forma arriscada na chicane Bus Stop, o que atrapalhou o venezuelano. Depois de cruzar a linha de chegada, Maldonado deu o troco: fechou Hamilton e danificou a asa dianteira da McLaren. O venezuelano, no entanto, nega que tenha sido intecional.

— Não, não foi. Foi um momento difícil, não havia razão do meu lado para ter contato e também não havia do lado de Lewis. Não eram condições de chuva (a pista estava quase seca), então temos de de ver o que aconteceu — disse o piloto.

Segundo colocado no grid de largada para o GP da Bélgica, Hamilton comentou o incidente após o fim do treino classificatório. Para ele, o venezuelano deveria ter tirado o pé ao fim da sessão.

— Tinha de tentar ultrapassá-lo e foi o que fiz. Vi Maldonado se aproximando rapidamente e ele cruzou na minha frente. Minha asa dianteira ficou muito danificada. Assim que a bandeira quadriculada é agitada e as luzes vermelhas se acendem, não há mais necessidade de competir. Nunca deveria haver um incidente desses, mas houve — resmungou o piloto da McLaren."

Anônimo disse...

Melhor nem comentar. . .
Vou usar uma frase que um amigo meu disse em relação ao "Neymala" e que cai como uma luva no personagem em questão (LH):
"Tiraram o "Neymala" da favela, mas não tiraram a favela do "Neymala". . .".
Zé Maria

leof1 disse...

Não foi a 1ª...


https://www.youtube.com/watch?v=B24k6-kNSBE

Nem a 2ª...

https://www.youtube.com/watch?v=fHDTefmirJo

e não será a última...

Anônimo disse...

Precedente. Vettel x Webber. Não recebeu nem reprimenda. Qual é o ponto? No caso do Vettel não há dúvida que jogou o carro propositalmente em cima durante safety car.
https://youtu.be/vx9zIQvrdZU

Rodrigo Keke disse...

Precedente? Sei.

Hamilton fez groselha nesse episódio, de fato.

Mas a natureza desse evento é COMPLETAMENTE diferente da reação nascariana de Sebastian.

Se o objetivo do post era uma resposta aos críticos, ao meu ver o tiro saiu com a mira bem imprecisa.

Hamilton está longe de ser um gentleman nas pistas. Mas a postura de Vettel na corrida de Baku atingiu limites inéditos de destempero.

Abraço!

Rafael disse...

Outra situação, completamente diferente Corradi.

Rafael Rezende disse...

Nao tem santo nesta historia de ontem!

Gerardo Furtado disse...

A explicação aqui é simples: ele estava usando o mesmo modelo de retrovisor do Carlos Sainz Jr.

Ituano Voador disse...

Penso que são situações que não se comparam. Aí foi uma disputa de corrida, Hamilton quis intimidar, Maldonado não leva desaforo para a casa, deu nisso; mas era uma disputa por posições. Essa da Bélgica lembra Schumacher e Barrichello na Hungria em 2010. O que aconteceu em Baku ocorreu em bandeira amarela, atrás do safety car, e foi um gesto deliberadamente intencional, depois de uma barbeiragem do Vettel - e aí, talvez o vulto da agressão tenha sido potencializado pela própria percepção da barbeiragem, já que a análise da telemetria da Mercedes mostrou não ter havido brake test algum.

Marques disse...

E o que tem a ver com ontem?
Coloca aí o Vettel batendo no Webber então.
O desespero pra defender o alemão é dose.

Roberto Echeveria Ceolin disse...


Senhor Corradi

Parabéns pelo Blog
Algum tempo acompanho as postagens e peço humildemente que continue trazendo as mais diversas e ricas, bem como, interessantes informações sobre fórmula 1

Abraço

Danilo Silva disse...

O Maldonado é que jogou pra cima do Hamilton..............

WilliamC disse...

Estou vendo os fãs do Vettel tentando justificar o que ele fez em Baku com o histórico do Hamilton.. vou tratar isso como "coisa" de torcedor.
Nenhum dos dois é santo, tanto que Vettel já tem 9 pontos na carteira.

Luís Vieira disse...

Descendo pra Eau Rouge? Eu sabia que o Hamilton tinha um outro episódio parecido com a confusão do Azerbaijão, mas não lembrava onde. Também já vimos ele desacelerar antes, em bandeira amarela ou não, em mais de uma ocasião. Mais do que apontar para um culpado, o interessante é perceber o nervosismo do Vettel. Não entendi porque no pit-lane ele não desceu do carro e foi até o Hamilton tirar satisfação. Se ele estava tão certo do que havia acontecido (e tão irritado a ponto de jogar a "Gina" contra a Mercedes), não sei como não foi até lá. O mesmo vale para o Hamilton: se ele realmente não fez nada errado e tomou duas batidas da Ferrari em bandeira amarela deveria estar furioso e no mínimo apontar o dedo e falar umas belas "verdades" para o Vettel, cara a cara. Não fez nada, ficou só naquele ar de provocação. Pra mim foram dois moleques, mas é óbvio teremos uma guerra até o final do ano. O campeonato vai pegar fogo!

Daniel Chagas disse...

Peço por gentileza Corradi que vc coloque junto com este exemplo a manobra do Vettel para que possamos compará-los. Continuo achando a atitude do alemão um descontrole desmedido! Nesta imagem que vc postou não vejo uma atitude deliberada do inglês ao contrário da de Vettel. E outra, maldonado puxa o carro levemente para a esquerda e Lewis para direita! Os dois ignoraram o espaço de ambos( Lewis mais) sendo que ali é um ponto da pista complicado, estava chuvendo, enfim, é uma situação distinta do último gp, em outras palavras, este exemplo com Maldonado gera interpretações. E sim, na minha opinião o alemão deveria ter recebido bandeira preta pela atitude desequilibrada.

Daylson Elder disse...

Hamilton e Vettel são farinha do mesmo saco.
Essas pragas devem ser iluminnati kkkk

Anônimo disse...

corradi, mostrar isso pra justificar o erro do vettel, é no minimo infantil, vai?
um erro nao justifica o outro... o hamilton errou em 2011 e os comissarios tb...
agora o vettel errou e os comissarios nao..
otimo que a coisa ta evoluindo, nao?

abraço

felipe

Anônimo disse...

Queiramos ou não todos são iguais mas, independentemente das atividades ou das pessoas, alguns são mais iguais que outros. Sempre foi assim e não vai mudar nunca.

Ricardo

Anônimo disse...

Corradi, te admiro muito, mas não entra nessa pilha não!

No episódio do Azerbaijão o Vettel foi culpado sim, e merecia a desclassificação pela atitude que tomou, de forma impensada (tenho certeza que hoje ele está arrependido).

Mas isso não tira dele o talento e a possibilidade de se tornar penta campeão. Assim como não diminui o talento e a possibilidade do Hamilton se tornar tetra.

Vamos em frente, abraço e parabéns pelo blog sempre!

Glaucio.

Humberto Corradi disse...

Bruno Rodrigues

tem certeza que Vettel jogou o carro deliberadamente em cima de Hamilton?

Nem as mãos estavam no volante...

Humberto Corradi disse...

leof1

Hamilton tomou uma reprimenda por nada?

Humberto Corradi disse...

Marques

Vettel já admitiu que o incidente com Webber foi seu maior erro na F1

Humberto Corradi disse...

Reginaldo Leme joga uma luz sobre o caso

https://twitter.com/f1corradi/status/879515108942245888

Bruno Rodrigues disse...

Respeito muito Reginaldo Leme
Ele sabe muito
Mas nesse comentário, penso que ele está discordando da telemetria
Enfim, minha opinião só

Bruno Rodrigues disse...

Corradi,

Primeiro agradeço seu retorno, gosto muito do blog e me sinto honrado por ter me respondido.

Confesso que tinha convicção que Vettel jogou o carro de propósito em cima do Hamilton, mas seu questionamento me deixou em duvida.

Vi o lance de novo então. Pela câmara que pega os carros de frente minha impressão inicial é reforçada.

Quando vejo a cena pela câmara onboard do Vettel só vejo uma de suas mãos quando ele bate em Hamilton. É a mão esquerda, a qual está levantada. Não vi a mão direita, a qual poderia estar no volante virando o carro para a direita para tocar em Hamilton.

Dito isso, pelas imagens que vi, não posso dizer que com certeza ele jogou o carro para cima de Hamilton. Confesso.

No entanto, se ele foi punido e não se manifestou sobre o seu ato, mas apenas o que Hamilton teria feito, será que não foi isso mesmo que aconteceu?

Richard disse...

A Telemetria diz uma coisa, há fotos que dizem outra e há gente defendendo o Vettel.
Enfim, foi atitude anti desportiva e ponto.
Como já disse anteriormente, se o HANS não tivesse tido problema, provavelmente nem punição teria.
Então, dois pesos duas medidas.

Mansur disse...

Piloto bonzinho não se cria na F1. Vettel e Hamilton não são nem um pouco santos. Já sabia que a fase de elogios e afeto entre eles acabaria no primeiro encontro na pista. Tanto um quanto o outro tentarão de todas as formas desestabilizar seu adversário. Não adianta ficar tentando defender A ou B, os dois são feitos do mesmo material, não se enganem. Não tem mocinho nessa história.

Anônimo disse...

Corradi, não entra nessa não.
Você faz um trabalho que ninguém no Brasil faz. E bem.
Ninguém aqui entende que você mostra o que tá acontecendo nos bastidores e não achando o que vai acontecer e, como você não é jornalista, ninguém sabe diferenciar informar de torcer.
Não dá trela e segue o bonde.

Arthur disse...

As mãos não estavam no volante??? Você quis dizer a mão né e no caso a esquerda. Não adianta, não há defesa. Como dizer que não foi proposital???

Anonimo disse...

O Hamilton deu uma pisada de leve no freio, normal. Quem está atras que mantenha a distancia coerente. O tempo de parada nos boxes de Vetel para cumprir a punição foi mais lento que o de Hamilton para fazer o reparo em seu carro. A punição do alemão só veio depois que o inglês parou e ficou preso no trânsito . Com isso Vetel acelerou e pôde voltar à frente de Hamilton. A punição só saiu 45 minutos após o incidente.

Jefferson disse...

Desespero.
É o fantasma dos natais passados.
Campeonato será ótimo de agora em diante.
E as desculpas esfarrapadas terão que evoluir também. Kkkkkk

Abraço!

Anônimo disse...

Mas nesse caso quem foi punido foi o Maldonado, com perda de 5 posições no grid!

guto surian disse...

Mimimi mimi !!!!!!!!

Humberto Corradi disse...

Muitos citando a justificativa da telemetria, assim como toda a mídia.

Mas ninguém viu, pelo menos até agora, a telemetria.

Paulo Heidenreich Jr disse...

https://www.youtube.com/watch?v=wOaUtcHPA0c

Esse vídeo é oficial da F1. Olhem o comparativo das re-largadas. Na minha opinião, a situação só ganhou a tal proporção devido a atitude infantil do Vettel. A F1 tem que engrossar ainda mais essa questão da bandeira amarela. Ora, se é por questões de segurança, que façam os pilotos entenderem, mesmo que na marra.

Ituano Voador disse...

Bom, quem deveria ter visto a telemetria (os fiscais da prova) viram, e por isso concluíram pela inexistência do brake test. Agora, você insinua que eles estão mentindo, Corradi? Aí você fica em uma posição delicada de provar. E daí saltam duas consequências: ou a telemetria realmente apontou que não houve brake test, como dito pelos fiscais, e tudo o mais é choro de perdedor, ou de fato houve uma manipulação da parte da FIA, a fim de favorecer a Mercedes e o Hamilton, evitando-lhes uma punição. E nesse último caso, que m**** de esporte esse que acompanhamos, não?
Abs

Marques disse...

Meu deus, não foi de propósito? O cara dirige em Monaco por 78 voltas sem errar um centímetro e bate sem querer a 30 km/h.
O desespero pra defender o alemão beira o ridículo.
Os dados foram analisados e foi determinado que não houve nenhum brake test. O alemão estava dormindo e bateu atrás, e agora fica tentando criar uma história para dividir as coisas. A entrevista dele depois da corrida é digna de Trump e Temer. Uma das coisas mais idiotas que já vi um piloto falando. O que aconteceu ali, acontece em todas as relargadas, mas os pilotos atrás estão atentos. Aparentemente o "melhor de todos" estava tão com medo de perder a posição pro Perez na relargada que se precipitou. E mesmo que tivesse sido provocado a reação é uma piada. Uma vergonha completa. O tempo de sacanagens de Senna, Prost e Schumacher já passou.
A Ferrari com certeza deve ter visto a telemetria. Não vejo os italianos gritando, pq será?
O alemão perdeu o título nessa manobra.

Daniel Chagas disse...

Revi a manobra de Vettel e sinceramente continuo achando que deveria ter sido desclassificado. Além disso, por qual motivo os comissários da FIA iriam mentir sobre a telemetria de Lewis? E outra, ouço isso desde criança,quem bate atrás sempre é o culpado! Kkk

Anônimo disse...

Corradi, lembro que no GP da Hungria de 2016 Rosberg tomou a pole do Hamilton em bandeira amarela. Os comissarios afirmaram que pela telemetria o alemão havia tirado o pé do acelerador e manteve a pole. Alguém viu essa telemetria? não lembro de criticas no blog naquea situação.

Carlos Colangelo disse...

Gosto muito do blog, tem opinioes boas e relevantes... Mas se objetivo é distorcer a favor do Vettel, porque não mudar seu nome para fã clube do Vettel ou algo parecido? Nunca vi um piloto na F1 jogando o carro deliberadamente em cima de outro em bandeira amarela/safety car... Lamento mas não existe defesa pra isso...

Tardellisanches Sanches disse...

amigos para min isso é como jogo de futebol,politica,blablabla.
O corradi torce para os alemães so lembrar dos elogios ao cerebral nico rosberg,o kra gosta do vetel e ponto,eu por exemplo gosto do kviat...
Para min o hamilton ta deixando o alemao desesperado,e ele ta caindo no jogo,é tipo o cara que pega um amarelo besta e fica suspenso,vettel nao é mau caráter isso é fato,mais ele um grande chorão isso e fato também...,vettel sempre joga o carro para cima dos outrs nas largadas,e quando alguem faz o mesmo,ele choraaaaaa....kkkkkkkkkkkk

Rafael disse...

Corradi está parecendo eleitor do PT defendendo o Lula

Bruno Rodrigues disse...

Puxa, depois dessa melhor parar de tentar debater, só ler mesmo e guardar para mim meus questionamentos.