terça-feira, 10 de setembro de 2013

Rush 2























Perplexidade.

Este é o sentimento.

O rumor, que nasceu há algum tempo na Itália, ganhou força e pode se
tornar realidade.

O retorno de Kimi Raikkonen se tornou uma possibilidade real.

Até favorita.

Confesso que estranhei e não levei a sério no início.

Li muito buscando informações.

Tirando aqueles que escrevem bem próximos a Maranello, ninguém sustentava
o boato.

Afinal é um rompimento com a receita vencedora.

Mais do que provada.

Piquet e Patrese, Senna e Berger, Schumacher e Barrichello e por último
Vettel e Webber.

E não adianta inventar.

Só tragédia.

Senna e Prost?

Alonso e Hamilton?

Absolvo a última formação.

Ninguém poderia imaginar que um novato causaria tantos problemas para
um piloto duas vezes campeão.

Luca di Montezemolo é defensor do modelo.

"Dois galos não podem conviver juntos." Ou algo assim.

Então que história é essa?

Por que aumentar a tensão dentro da equipe?

Montezemolo é um administrador.

Exposto.

E a Itália é um país de paixões.

E seus jornais não fogem dessa herança cultural.

A pressão dos torcedores-jornalistas é imensa.

Se a Ferrari está mal (no sentido não é campeã, OK?), caçam um culpado.

O preferido é Felipe Massa.

Que pague o pato dos infortúnios!

Mas penso que a coisa está fugindo da lógica.

Sensato seria manter o piloto brasileiro ou substituí-lo por Nico Hulkenberg
(ou Jules Bianchi).

Um apoiador para a estrela espanhola.

Difícil entender.

Dois pilotos acima dos trinta anos juntos.

Sei que Montezemolo é político e por isso também precisa tomar decisões políticas
na Ferrari.

Agradar a torcida pode ser uma delas.

Daí a alternativa de trazer outra vez Raikkonen.

Talvez seja uma decisão covarde.

Que não agrega nada ao time e apenas mude as luzes da responsabilidade
para os pilotos.

E então?
 
Bem, se for isso, acho que será ótimo para nós.

Disputas internas, intrigas, disse me disse e a pergunta: quem será o melhor?

Quem sabe se transforme até num belo roteiro para Rush 2, não?

Enquanto isso, tranquilo, Sebastian Vettel deve estar comprando a pipoca.

16 comentários:

Ricardo Reno disse...

Como escreveu no post anterior Tá Doido!

"...Talvez seja isso que faça Montezemolo assinar com Raikkonen e mostrar ao
espanhol de uma vez por todas que a Ferrari é maior que ele."

A cartada de Montezemolo é muito perigosa por se saber Fernando Alonso ser o que é.

O casa está pegando fogo e Montezemolo usando gasolina para apagar.

Para o espetáculo, não há dúvida, vai ser uma delícia de assistir.

Anônimo disse...

Grande Corradi,

Como sempre muito sensato nas análises, na minha opinião se o Raikonnen entrar isso cheiraria a Vettel daqui uns 2 anos.

Como voce mesmo disse agora a Ferrari tira o foco na gestão e colocam os holofotes sobre o possível quebra pau entre os pilotos ( ambos mais velhos ) e abrem espaço para o ainda jovem Vettel em 2016.

O que voce acha?


Abraços a todos

Lucas

Leandro Fontes disse...

Pensei exatamente isso, roteiro para um "Rush 2"... Rs... Mas, caso se confirme, será uma temporada bastante interessante. Será que ouviremos um "Fernando is faster than you" seguido da resposta: "Leave me alone. I'm know what I'm doing"?

Markera disse...

Discordo. Senna e Prost foi a dupla mais memorável das últimas décadas. O títulos que ambos ganharam e perderam valem muito mais que o 5 chatos títulos de Schummacher na Ferrari. Aquela Mclaren era emoção pura; automobilismo puro; aquilo é que era esporte. Esse marasmo de só um galo na equipe ninguém gosta nem de lembrar.

Paulo Heidenreich Jr disse...

Eu acredito que a Ferrari deu chances de mais ao Massa. Desde o acidente em 2009 ele não tem rendido o que se espera de um piloto da Ferrari. Dos segundos pilotos dos times de ponta ele está atrás de todos, o que faz a equipe correr um risco de ficar fora das cabeças no mundial de construtores, o que seria um fiasco.
Já era, acho que faz certo a Ferrari em trocar de piloto, o Massa está tendo um desempenho muito abaixo do que uma equipe do porte da Ferrari necessita.
Ao Felipe Massa resta torcer para sobrar uma vaga, o que vai ser difícil de acontecer.

Anônimo disse...

Acho que a Ferrari muda tudo, sai Alonso e Massa. Domingo quando o espanhol cruzou em segundo novamente não tinha ninguém no muro, zero e em Monza!

Tuta Santos disse...

Vamos ver a força que têm os boatos.
E a realidade.

Rafael Schelb disse...

Sei não. Mas isso tá me cheirando a Alonso fora também. É só um palpite, mas...

Anônimo disse...

Felipe Massa está fora da Ferrari.

http://instagram.com/p/eFyM4QHLf1/#

Ele mesmo anunciou isso pelo Instagram.

IvanGoes disse...

Acabou! Felipe acaba de anunciar no Instagram sua saída da Ferrari.

http://flaviogomes.warmup.com.br/2013/09/a-era-massa/

Acho que saiu tarde a Ferrari já não era mais lugar para ele, e boa sorte onde for Massa!

Marco Memoria disse...


Desta não gostei, a dupla não vai funcionar e concordo com vc, a manobra da Ferrari é para tirar o foco da equipe e jogar a responsabilidades sobre os ombros dos dois, se por acaso funcionar mérito da esquadra vermelha, por outro lado vai sobrar para os pilotos.
Na real o que eu queria para próxima temporada já não vai ser mais possível, era ver o finlandês na Red Bull, com certeza Kimi ia fazer o alemãozinho pilotinho de vídeo-gamezinho pedir aposentadoria.

Anônimo disse...

Enquanto o espanholito estiver na disputa pelo título,pelo menos matematicamente,não anunciam a saída dele.
Ele também está fora. É só esperar.
Aliás,ele até estava sorridente ao final da prova de Monza;e certamente não era alegria pela chegada de Kimi.
Talvez seja o caso de se procurar o Signore Briatore;acho que todas as respostas estão com ele.E com o Bernie também.

Ron Groo disse...

Há quem defenda a tese de que a chegada de Kimi é uma punição a boca aberta do Alonso.
Sei lá.
Tem nego que defende também a ideia de que Alonso também rodará.

Vamos ver os próximos movimentos.

Diego Guidi disse...

Cara, é chute puro, não tenho nenhum embasamento pra dizer isso, mas... acho que Alonso não fica... Deve ser loucura da minha cabeça, mas Alonso/Raikonnen não faz o menor sentido...

Reginaldo Nepomuceno disse...

Pode ser que Luca di Montezemolo acerte e seja coroado um gênio. Afinal, Só porque Ron Dennis falhou não quer dizer que ele vá falhar também na gestão de seus pilotos.

Tiago Oliveira disse...

O Massa sair já mostra que a Ferrari está cocando na propria carne, e que o Alonso se prepare pra vir alguém ai pra dar farol alto atrás dele. O Massa com todas as limitacoes desde 2009 vinha se classificando melhor q ele seguidamente. E Monza chegou ao ridiculo de dar vácuo pra ele e ainda ser mais rápido. Está cheirando a Kimi x Alonson (E Hulkenberg x Grosjean na Lotus, Sirotkin x Gutierrez na Sauber, a dupla mais lenta em uns 10 anos), mas pode ser Alonso x Hulkenberg (que já tem tudo pra por o Alonso no bolso em classificacao pelo menos). De qq forma ver os vermelhos com uma dupla épica contra a gangue dos enérgetico e uma dupla politicamente correta, todos montados em motores turbos, é o sonho de qq um que amou os anos 80. Que venha 2014, com Austria e Mexico!