sábado, 29 de março de 2014

Lauda

























Niki Lauda.

Ensaio

6 comentários:

maxwellman disse...

Que carro é esse da primeira foto? Estranho, mas muito bonito!

Anônimo disse...

** FOTO 1 **
1972, Jarama, GP da Espanha.
Niki Lauda numa March 721X...


** FOTO 2 **
1979, Hockenheim, GP da Alemanha.
Niki Lauda numa Brabham BT48


** FOTO 3 **
1968 Flugplatzrennen um den Donau-Pokal

Aqui o programa:
==>> http://issuu.com/technisches-museum/docs/fe-ru-1968-38-1?e=3542147/3164531

Na página 12 está a "inscrição" de Niki Lauda...
Preis der Firma LA GENERALE... Porsche 911, #36 Niki Lauda

A foto do post em tamanho maior:
==>> http://www.technischesmuseum.at/res/00/00/37/26/0000372604.jpg

E aqui fotos do carro de Lauda:
==>> http://www.technischesmuseum.at/res/00/00/37/25/0000372592.jpg
==>> http://www.technischesmuseum.at/res/00/00/34/95/0000349574.jpg
==>> http://www.technischesmuseum.at/res/00/00/34/95/0000349587.jpg


** FOTO 4 **
1985, Zandvoort, GP da Holanda
Niki Lauda (McLaren MP4-2B) perseguido por Ayrton Senna (Lotus 97T)

Aqui a mesma foto em tamanho maior
==>> http://staticclub.caradisiac.com/1/sport-auto/photos/photo/hd/025847025/290758590e/photos-lauda-senna-ned85-big.jpg



um abraço,
Renato Breder

Cacto F1 disse...

Lauda, uma lenda da F1 ! Voltar a disputar o título de 76, 40 dias depois de quase ter morrido, é prova suficiente de sua determinação. Falar de seu talento é desnecessário. Imagino o que devem sentir Rosberg e Hamilton, trabalhando com Lauda na Mercedes. Conviver com este exemplo, é motivação suficiente para querer ganhar o campeonato. Vamos ver qual dos dois leva. Abraço, cactof1@blogspot.com.br

Rodrigo disse...

O cara que era o exemplo para um tal de Ayrton Senna.

Acho que isso já é o suficiente.

Rodrigo Medeiros

walter disse...

Certamente ele não é o único a receber a extrema unção e voltar à vida normal.

Mas ele é o único a receber extrema unção e, em poucos dias, voltar ser piloto de F1.

Logo depois, teve coragem de abandonar o Gp do Japão.

E a seguir foi o campeão do mundo de 1977.

O cara é único. Torci contra ele, por Emerson, por Piquet e por Senna. Mas é um herói a que eu presto reverência!

Anônimo disse...

A última foto é linda e simbólica. Uma geração que se ia e outra que chegava.
Abraços

João Paulo