quarta-feira, 28 de maio de 2014

Rascunho - Muda ou Não Muda?

























Derick Warwick na Toleman.

De cima.

Tony Fernandes negou que o grupo Caterham esteja à venda.

O Blog falou sobre isso outro dia.

O empresário malaio disse que está procurando um investidor.

É preciso lembrar que o grupo é composto de mais de uma dezena de
subdivisões.

Entre elas a parte de Tecnologia e Inovação e carros de rua.

A equipe de Fórmula 1 é mais uma.

Envolvido na indústria de aviação e com o futebol inglês, posso dizer que a
categoria máxima do automobilismo é uma das poucas coisas que não fazem
Fernandes sorrir.

Falando em não estar feliz, sabe a Pirelli?

Então.

Do Japão vem um boato sobre a Honda adquirir uma grande participação
acionária na McLaren.

Interessante.

O final de semana em sua casa pode ser decisivo para o futuro da Red Bull.

Em Osterreichring (Ou Red Bull Ring) o time do energético pode oficializar
sua ruptura com os motores Renault.

E qual a motorização seria adotada?

As conversas (adiantadas!) são com a Mercedes.

Niki Lauda deu um aval positivo.

A escuderia de Vettel e Newey substituiria a McLaren no portfolio dos
alemães dentro da Fórmula 1.

Falta equacionar o custo da quebra de contrato com os franceses.

Hoje a coisa ficaria em torno de 135 milhões de dólares.

(Quebra de contrato + adquirir os novos motores).

Lembrando que há a Toro Rosso também.

Dinheiro não é problema, claro.

A Ferrari ainda não desistiu de ter Adrian Newey em suas fileiras.

A primeira oferta, assim como a da Mercedes, foi batida pela Red Bull.

Por enquanto tudo fica como está.

Mas os italianos vão tentar uma cartada final.

Primeiro: falam em abrir uma divisão na Inglaterra, de onde Newey a
princípio não gostaria de sair.

Segundo: a Scuderia Italiana quer que o engenheiro inglês comande o
projeto de seu retorno ao Endurance (24 horas de Le Mans).

Terceiro: Maranello quer ver as ideias de Newey em seus carros de rua.

Quarto: a grana é preta.

Os impedimentos familiares não existem mais na vida do gênio do design.

O fim do seu casamento (ocorrido a pouco) pode ser um fator a mais na
decisão.

Por trás disso tudo estaria o velho desejo de Montezemolo em contar com
Sebastian Vettel no exército vermelho.

As declarações de Lewis Hamilton (sobre Rosberg e a equipe) não foram bem
recebidas internamente.

Lewis precisa lembrar que um campeonato se vence dentro e fora das pistas
também.

Segundo Toto Wolff, a briga Senna e Prost não vai se repetir.

Logo uma escolha será feita e colecionar inimigos entre os que irão decidir
quem será campeão não é aconselhável.










7 comentários:

TheEltonToptec disse...

Excelente post amigo. Praticamente um up to date.

Renato Santos disse...

Vou te contar, esse Corradi tem um jeito todo seu de deixar a gente no meio de um furacão, com as peças do tabuleiro se movendo nas sombras, sensacional, cara, cada vez mais bom e mais melhor!

Marques disse...

E querem o que? Que Lewis aplauda a trapaceada do colega? Aplauda o fato de não ter tido chance de fazer algo, ao contrário de Rosberg que sempre teve quando esteve atrás (através da estratégia)? Se bem que essa parte da estratégia o James Allen explica bem no seu blog que Hamilton teria a chance (não quer dizer que conseguiria) de passar Rosberg nos boxes porém o safety car estragou tudo. Mas não espere que um piloto que se sentiu roubado vá entender isso durante a prova, isso serve pra qualquer um.

David Félix Krapp disse...

Corradi... ja faz algum tempo que ouço que a Red Bull tenta convencer a Volks a ser sua parceira na F1, vi um comentario do Helmut Marko dizendo q a Volks ja e parceira da Red Bull em diversas categorias, algumas com motores de tecnologia similar a F1...

E o negocio do Nico e do Lewis, parece mais a briga do Alonso com o Hamilton... alias, jamais pensei que o ingles ia ser um chorao como o espanhol...

Jefferson disse...

Ms eh bem verdade que o "Neguimilton" está fazendo cagada! Quero que seja ele o campeão! Mas ele está cada vez mais parecido com o Leão. Muito rápido e pouco inteligente! Como quer vencer sem afagar os seus?! Apenas a chicotadas ele não conseguirá!

Jefferson disse...

A propósito, essas tais montadoras não respeitam mesmo a nossa paixão pela velocidade! Sempre achei lindas as flechas de prata e sonhava com um retorno triunfal e agora que se realiza já estão planejando nos abandonar! Pelo caminho ficaram Brabhans, Lotus (que retornou mas...), Ligies... Saudosas garagens!

S.A.C disse...

Você esta muito enganado se acha que para Mercedes tanto faz ela ou uma equipe dela ganhar, acho que sua simptatia por RBR e Vettel esta virando ufanismo puro...