sábado, 4 de outubro de 2014

Rascunho de Trocas























Vettel já tinha um acordo com Domenicali e Montezemolo.

Com as mudanças na Scuderia Italiana só precisou reafirmar seu compromisso
com Mattiacci.

Da equipe vermelha ouviu promessas firmes.

O salário vai girar em torno de 30 milhões de Euros anuais.

Entendo agora a amargura que Ferdi nutre pelo atual campeão mundial.

Alonso diz que pode definir seu destino.

Não pode.

Pelo menos não como ele queria.

Vettel esteve a frente o tempo todo e com a preferência na escolha entre
McLaren e Ferrari.

Mergulhou assim na opção de guiar por Maranello.

(avisou dias atrás num jantar que deixaria a Red Bull)

O sonho vermelho permanece vivo.

Surpreendente.

Que fique claro.

Vettel fez a Ferrari expulsar Fernando.

Para Alonso restou Woking ou um ano para pensar na vida.

E a certeza que a sombra continua no seu caminho.

Clique aqui.

Legal dar uma olhada nss previsões de Eddie Jordan para 2015.

Mercedes: fica como está.

Ferrari: Sebastian Vettel e Kimi Raikkonen.

McLaren: Alonso e Magnussen.

Williams: Massa e Bottas.

Toro Rosso: Verstappen e Carlos Sainz Jr.

Nico Hulkenberg se juntará a Porsche (e Mark Webber)

Vergne cava uma vaga na Force India.

Jenson Button no Endurance.

Vamos ver se tudo se confirma.

Sauber anunciará seus pilotos na última etapa do campeonato.

E Nico Rosberg larga pela nona vez (contra seis) a frente de seu companheiro
de equipe.

Quem diria no início da temporada que isso poderia acontecer?

Por fim.

Brasileiro não perde a piada.

Em Suzuka, Felipe Massa interrompeu uma entrevista de Alonso.

"E aí?

Para onde você vai?

Caterham ou Marussia?"

26 comentários:

Anônimo disse...

e todo mundo achando que a "bomba do ano" seria a volta d Alonso a McLaren kkkkk até nisso Vettel superou Alonso kkkk

Luís Almeida disse...

E se Alonso não quiser sair a bem, a Ferrari paga a indemnização?

Ou a opção de rescisão por resultados abaixo do esperado dava para as duas partes?

Anônimo disse...

Pois depois desse desenlaça fica claro. Não é Alonso que está saindo da Ferrari, é a Ferrari que está mandando embora o Alonso. E talvez o que se pensava num retorno dele a Mclaren como um deus e dessa vez como manda chuva, pode não ser bem assim, pode até ganhar tanto ou até mais que o Vettel na Ferrari, mas ainda vai ter que aturar e se curvar a Ron Dennis e é óbvio que lá não será o soberano capaz de submeter o 2º piloto a ordens e lacres rompidos. Por isso as especulações que parecem estapafúrdias como uma Lotus/Mercedes com Briatore e Alonso não são tão ridículas não assim como um ano sabático esperando a vaga de Hamilton na Mercedes ou do Massa na Williams.

Marcio Henrique disse...

ta ai uma coisa que eu não esperava, agora, não sei não hein, ninguem fala mais nada do Newey...

Silvestre Zanon disse...

Sensacional!!!!

TheEltonToptec disse...

Eu lembro do texto da sombra, e hoje ele ganha um status de profecia. Caramba mano...

Alfredo Aguiar disse...

Corradi.
Foi a melhor aparição do massa numa câmera de televisão, kkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

Parabéns Corradi!

O melhor texto sobre a situação! Profética sua análise sobre o "sombra"!

abcs

Delgado disse...

Não é bem assim. O Vettel já tinha conversas com a Ferrari, é certo. Mas ele não iria para essa grande incógnita se tivesse opções reais. A Ferrari sempre fez promessas grandiosas, mas em poucas épocas foi uma equipe bem gerida, que oferecia carros campeões a seus pilotos. Desde a saída de Jean Todt e Ross Brawn que a scuderia é uma bagunça. Alonso carregou nas costas aquele carro, nos últimos anos.

Vettel não tinha o que fazer. Ele não tem um companheiro de equipe confortável para ele, como era Webber. Ricciardo chegou e o engoliu completamente. Vettel foi sistematicamente superado pelo australiano esse ano, e já não havia condições para ele em permanecer. A justificativa de que ele não se "adaptou" ao carro não é válida. Uma das principais características dos grandes pilotos, é se adaptar aos carros mais diferentes.

Vettel não tinha mais para onde ir a não ser para Maranello. E lá, acho que vai ficar em jejum por muito tempo. Se o Raikonenn permanecer lá, provavelmente vai dar muito trabalho ao garoto alemão.

Alonso também não tinha opções. A Ferrari foi uma grande decepção; RBR e Mercedes não pagariam o seu salário. A Honda sim, pode bancar isso, na Mclaren. A dúvida é se a parceria Mclaren-Honda dará bons frutos a curto prazo. O espanhol está em uma idade em que não dá mais para esperar. Ele continua sendo o melhor piloto do grid, e tem demonstrado isso atualmente, e nos últimos anos, mas o tempo não para.

Anônimo disse...

impressionante como o Hulkenberg sempre se lasca, é bom mesmo ele ir pro endurance, lá tenha mais sorte.

Felipe Meneses

Anônimo disse...

Comprando a pipoca para esperar as desculpas quando vetel fizer muito menos que Alonso com o carro vermelho e nem pense em criar um blog de culinária para fugir do assuntos rs

Fabio disse...

Todos esperando notícias e olhando para o box errado, kkk

Carlos Gil disse...

"E aí?
Para onde você vai?
Caterham ou Marussia?"

Se isso realmente aconteceu, considero que o Filipe Massa merece toda a sorte do mundo, pois um individuo com esse humor e sentido de oportunidade tem que ser boa pessoa.
A vida é demasiado séria para ser vivida sem gargalhada.
CG

Anônimo disse...

Alonso tinha contrato em vigência, se houve uma ruptura amigável, ambas as apartes entraram em consenso. Qualquer chute na bunda de qualquer um dos lados geraria uma multa altíssima e não foi o que aconteceu.
A sacanagem foi a RedBull anunciar a saída tão precocimente, isso foi sacanagem com o Alonso.
Vettel fez a Ferrari expulsar Alonso é de uma falta de coerência enorme! Se Vettel tivesse ganhando corridas e liderando a equipe ele não sairia. Já Alonso foi visto, através de seu empresário, na sede da RedBull. Isso gerou a contratação do Kimi.
Portanto, quem vinha descontente com a Ferrari há muito tempo era o Alonso, Vettel só foi ficar chateado com a equipe esse ano. E outra, a RedBull trocou quatro chassis do Vettel em menos de um ano, sem que houvesse batida, além disso, mantiveram as posições em Cingapura, mesmo com Ricciardo com chances de titulo. Tentaram de tudo manter o mal agradecido do alemão na RedBull, que simplesmente saiu fora depois de não conseguir bater seu companheiro.
Acho que dessa vez você deu uma bola fora.

Daniel Chagas disse...

Estou realmente curioso para saber como vai ser a performance de Vettel sem o paparico da Red Bull. Ele vai ter a oportunidade de tirar a pulga atrás da orelha de quem acha que ele conquistou os campeonatos que tem somente pelo carro que tinha. Sem dúvida ele vai com a faca entre os dentes para a Ferrari.

João disse...

Vettel com medo de Ricciardo. Convenhamos, se voltasse a perder no ano que vem, sua credibilidade iria sofrer bastante

Humberto Corradi disse...

Luís Almeida

Já foi tudo acertado entre as partes.

Valeu

Humberto Corradi disse...

Marcio Henrique

A tendência é Newey se afastar.

James Key (Toro Rosso)foi contratado para isso.

Valeu

Humberto Corradi disse...

Carlos Gil

Olha o vídeo:

https://www.youtube.com/watch?v=YPQkYxxftfU

Valeu

Humberto Corradi disse...

João

Acho que foi mais pelo desafio e o sonho de pilotar pela Ferrari.

Mil anos e quatro títulos depois...

Valeu

Anônimo disse...

Viajou, Corradi!

Robison Filippi disse...

Todos sabem que Alonso é uma raposa e que não da ponto sem nó, Vettel não iria para a Ferrari se o lugar já não estivesse vago, existe muita especulação em torno disso, mas assim que ele for anunciado como piloto da McLaren começaremos a ter as respostas em doses profiláticas da boca do próprio Alonso pois também sabemos que ele adora destilar veneno e depois de todos esses anos na Ferrari sem receber um carro competitivo ele terá prazer em ventilar algumas informações que não deixarão certas pessoas felizes.
Isso é fato.

Anônimo disse...

Corradi, Regi na transmissão desmentiu seu post. A Ferrari não mandou Alonso embora e as peças só se moveram depois que Alonso se mexeu.

Humberto Corradi disse...

O Leme deu sua opinião. Só isso.

Valeu.

marcio jose disse...

Duvida

como ficará o capacete sem personalidade do Vettel???

não há uma marca dele no casco...

somente uma confusão de situações oportunistas para seus patrocinadores.

Eric Musashi disse...

Vencer de carro ruim com motor Ferrari o Vettel entende, rs.