segunda-feira, 1 de maio de 2017

Russia - 2017






















"Espero que esta seja a primeira vitória de muitas.

Meu objetivo é ser campeão do mundo!"

Valtteri Bottas.

É sempre interessante ver um novo vencedor.

O piloto da Mercedes foi impecável na corrida em Sochi.

Largou de forma fantástica.

Um relâmpago ao passar por Raikkonen e Vettel.

Conduziu com maestria.

O bólido construído pela Mercedes é excelente.

Mas ele não admite erros.

Precisa da sensibilidade para os ajustes no setup.

A janela de troca dos pneus é apertada.

Por isso levar os pneus até a hora exata de troca é importantíssimo.

Valtteri faz isso de forma superior ao ser comparado com a estrela do time.

Lauda já havia confidenciado nos treinos livres.

"Bottas conduz a Mercedes melhor que Hamilton, por isso é mais rápido."

Wolff concluiu o pensamento.

"O setup (ajuste do piloto) de Lewis está errado em algum lugar, o que causa 
diferença entre companheiros. 

Está acontecendo em todas as equipes."

Vale notar que as mudanças nas condições de temperatura causaram problemas
para todos.

Adaptar-se se fez necessário.

Alguns jornalistas que frequentam paddock durante toda a temporada foram duros
com Lewis nas críticas.

Falaram em apatia.

E sobre ele ter sido derrotado facilmente pela adversidade.

Bottas está muito ajustado com seus novos engenheiros desde o começo deste ano.

Exercitou cada saída para eliminar suas fraquezas e erros de largadas do passado.

Trabalha duro esse finlandês.

Fica claro que o sucesso não está vindo por sorte.

Hamilton precisa responder rapidamente na próxima etapa.

A Ferrari não esperava a derrota.

Não foi muita surpresa os dois carros vermelhos na primeira fila.

Estava no plano.

A pista russa é bem difícil de ultrapassar.

Começar na frente parecia ser a receita infalível.

Nos testes do Bahrein os olhos mais atentos detectaram que a Scuderia Italiana
alterou várias configurações em suas máquinas.

Principalmente a parte frontal.

Em busca da pole position.

OK.

Entretanto faltou combinar com os alemães.

Vettel fez de tudo para vencer, mas Bottas estava em seu dia.

Na emoção, Seb foi até deselegante com Massa.

Massa riu.

Entende a sede por vitórias.

Os outros?

Perez e Ocon continuam pontuando com a Force India.

O mexicano (pilotos) e sua equipe (construtores) lideram a segunda divisão.

Mais uma vez Grosjean teve um final de semana embaçado.

Stroll conseguiu terminar a corrida.

O canadense admitiu ter dificuldade com as configurações do carro da Fórmula 1
e a gestão dos compostos da Pirelli.

E ainda ter que lidar com pistas desconhecidas.

Podemos afirmar que Felipe tem ajudado muito o novato no seu aprendizado.

Lembrando que todos esperam pela nova Red Bull.

Um tempo para Adrian Newey.

Alonso ficou a pé novamente.

Se a Honda não mostrar uma evolução real nesta temporada, ele vai embora.






















3 comentários:

Plinio disse...

Estou absolutamente surpreso com Bottas, especialmente após as duas últimas classificações. Ele sempre mostrou-se um piloto com ritmo de corrida consistente, mas eu não esperava ele classificando a frente do Hamilton. Sempre achei o Hamilton o melhor de todos nesse grid em volta lançada. Tomara que a briga vá até o fim da temporada.

Anônimo disse...

Já podemos afirmar que os acertos do Rosberg fazem falta na Mercedes de Hamilton?

Fagner Oliveira disse...

Sempre achei que o Bottas seria um sucesso numa equipe de ponta... Se a Mercedes deixar, ele vai vencer mais vezes. O problema vai ser quando Hamilton começar a precisar dos pontos dele (jogo de equipe).