domingo, 9 de abril de 2017

China - 2017


























Foi uma corrida maravilhosa.

Com ultrapassagens duras e reveladoras.

Ao final houve o triunfo de Lewis Hamilton.

O piloto inglês fez o que se espera dele.

Após perder o título do ano passado, as distrações parecem ter sido deixadas
de lado.

Como comenta Briatore.

"Ao tentar ser DJ, deixou o mundo escapar (para Rosberg)"

A dedicação (muita) no simulador da Mercedes trouxe bons frutos.

Não há margem para equívocos.

Lewis reconhece.

"Sebastian é incrivelmente rápido.

Ele me empurra até o limite.

Vitórias contra ele valem mais porque eu não posso errar."

Com a bandeirada final, o time das Flechas de Prata conseguiu respirar.

"Estou aliviado", disse Lauda.

A Ferrari, apesar dos infortúnios, demonstrou força mais uma vez.

Reconhecendo ter problemas, Raikkonen poderia ter facilitado para Vettel.

Sebastian entendeu a senha vinda do box.

Numa mensagem a equipe queria saber se deveria haver ordens ou não.

Cifrada.

Entretanto ele não deixou que houvesse intromissão.

(preservou o bom relacionamento)

A dificuldade se deu para encontrar um brecha entre Kimi e Ricciardo.

Depois nem foi preciso caçar Verstappen por conta do erro do holandês.

(Max que vinha fazendo uma prova brilhante)

Vettel chegou em segundo, porém parecia ter vencido.

Há motivos para tal impressão.

Constatamos ao ouvir o piloto alemão conversar com o restante da Scuderia.

"Nós somos mais rápidos!"

Devido a muito trabalho, digo.

Antonio Fuoco, Charles Leclerc e Antonio Giovinazzi praticamente dormem
no simulador de Maranello.

E dessa forma ajudam Sebastian a não deixar a máquina parada na busca
por soluções.

Filosofia de vitória.

Valtteri Bottas cometeu um erro terrível.

Precisa se recuperar logo para o mal ser esquecido.

É muita responsabilidade.

Toto Wolff ainda culpa a ausência de Nico Rosberg por parte das dificuldades
enfrentadas pela Mercedes.

Atenção.

Fernando Alonso é um grande piloto.

Mas a McLaren Honda não é a desgraça que pintaram.

Falta confiabilidade e está longe de brigar com Ferrari e Mercedes.

Só que está fazendo frente a Hass, Force India, Williams e Renault.

Com um olhar aguçado, Bob Fernley (Force India) admite que o carro laranja
está no bolo.

Cheio de problemas como os outros.

(Williams é um bólido desequilibrado, a Renault frágil e por aí vai...)

Assim.

Eu digo que meu time de Futebol é horrível.

Se eu marcar um gol, serei gênio.

Ou (em espanhol) Más grande de todos...

Entendeu?

Lamento que nada tenha dado certo para Romain Grosjean.

(apesar das belas ultrapassagens)

A Haas pode muito ainda.

Kevin Magnussen aproveitou a oportunidade e marcou seus pontos.

Esteban Ocon (que também marcou, outra vez) e Sergio Perez formam uma
dupla guerreira no grid.

Bom para Force India.

E a Toro Rosso vai bem, obrigado.

Hulkenberg e Palmer não conseguiram levar a Renault até os pontos.

Zero, por enquanto.

Giovinazzi, Stroll.

Essa nova Fórmula 1 castiga os novatos.

Eles aprendem.

Sergio Marchionne (Ferrari) fala em "dar tempo aos jovens."

Também diz que "se Vettel está feliz, somos todos felizes."

E que "Raikkonen (na corrida na China) parecia ter outros compromissos..."

Frittura.

























30 comentários:

WilliamC disse...

O Kimi com o desempenho visivelmente inferior não deveria ter dificultado tanto pro Vettel, isso pode ter custado a vitória dele, pois perdeu muito tempo nessa disputa.
O Kimi está tentando "mostrar serviço"? Acho que ele não continua mais na Ferrari além desse ano.

Plinio disse...

Vendo o rendimento do Bottas fica muito claro que se não fosse a presença do Rosberg o Hamilton teria passeado nos último anos. Claro que isso não surpreende. Foi uma contratação bem articulada pra isso mesmo vendo o que o Bottas apresentou nos últimos anos. Seria excelente se a RBR conseguisse brigar pela ponta. Com a ótima dupla de pilotos que eles tem o negócio ia pegar fogo. Infelizmente isso não deve acontecer.

Eduardo Sacramento disse...

Pela primeira vez li uma opinião que o carro da McLaren não é uma desgraça. Vandoorne falou que o chassi melhorou e o motor tem se mostrado mais confiável. Há muito trabalho na Inglaterra e no Japão.

Jeferson Araujo Pereira disse...

1- Vettel e Hamilton empatados na classificação: isso é ótimo! A Ferrari vai brigar o ano inteiro.

2- Verstappen: nota 10 com louvor!.

3- Raikkonen: TODA vez que fala no rádio ele grita com a equipe.Ele grita muito alto!Insistir com o Kimi, em 2018, é loucura.

4- Bottas: será que ele já assumiu que será o 2º piloto em todas as corridas?

5- Magnussen pontuou antes do Grosjean: por essa eu não esperava.Grosjean terá dificuldade para dormir.

6- Massa: ele fez seis pit stops.SEIS!!!!!!

7- Giovinazzi: depois de bater duas vezes no mesmo lugar (no treino e na corrida) espero que os boatos dele substituir o Kimi ...

8- Kvyat: faltou um replay pra saber como foi que ele rodou e bateu.A transmissão oficial, esse ano, está um lixo.

9- Hulkenberg levou uma punição de 5 seguundos.1 minuto depois, vimos na tela:os 5 segundos se transformaram em 10 segundos.Nunca vi isso em nenhuma corrida.

Charles disse...

Corrradi, eu cravei aqui no pós-Austrália que a vitória da Ferrari foi acidente, fruto do erro grotesco do Lewis que quis parar antes do Vettel (você está na Frente, espera seu perseguidor parar e para na volta seguinte, você volta na frente), e agora na China isso ficou claro, mesmo que o Lewis fizesse a parada dele sem safety car, ele voltaria na frente, então, nada de os Ferraristas se animarem, pois, vai ganhar uma corrida aqui outra ali que a Mercedes errar, mas, título é do Hamilton.

Jobson Mendes disse...

Justamente Corradi.

"Fernando Alonso é um grande piloto".

"Mas a McLaren Honda não é a desgraça que pintaram".

Interessante que a própria equipe parece alimentar isso. Lembrando que Alonso sempre esteve na zona dos pontos nas duas corridas antes de abandonar. Já Vandoorne está penando...

Abs.

Jeferson Araujo Pereira disse...

Corradi: Mas a McLaren Honda não é a desgraça que pintaram.

Prefiro esperar mais umas cinco corridas para definir se é desgraça ou não.

juniorcaixote disse...

Pra mim, o destaque foi a corrida pavorosa da Williams. Pra esquecer.

Humberto Corradi disse...

Desde Barcelona o carro me pareceu desequilibrado. Nas tomadas lentas nss curvas sacudia demais.

Humberto Corradi disse...

Não foi bem assim. Ritmos semelhantes Vettel penou com a passagem obrigatória pelos boxes após o acidente com giovanazzi pois a pista ali estava muito molhada. Vamos ver no Bahrein.

Humberto Corradi disse...

Não diria a vitória, mas uma aproximação maior com Hamilton.

Humberto Corradi disse...

Desde Barcelona o carro me pareceu desequilibrado. Nas tomadas lentas nss curvas sacudia demais.

Rafael Novaes de Oliveira disse...

Ferrari tá bem parecida com a Mercedes. Esse ano as flechas de prata terão problema para vencer os italianos.

Corradi, pensamento meu OK. Você nao acredita que o sucessor do Nico Rosberg Nao deveria ter saído ou dá RedBull (Ricardo, Verstappen) Ferrari (Vettel) ou mesmo o Alonso e o werhlein.
Tenho a impressão que o bottas ficou 4 anos na Williams e não está preparado a assumir um carro vencedor. Talvez alguém mais preparado como esses que eu citei seria mais interessante, pois acredito que não prejudicaria o campeonato de construtores

Gerardo Furtado disse...

@Jeferson Araujo Pereira: O Hulkenberg teve duas penalizações: uma ultrapassagem com SC virtual, 5 segundos, e depois outra ultrapassagem com o SC normal, 10 segundos. As duas somadas deram 15 segundos. Eu não sei como a Globo transmitiu aí, mas por aqui a Sky (Martin Brundle e David Croft) deixou bem claro. Abraço.

Daniel Chagas disse...

Definitivamente teremos um duelo entre Vettel e Hamilton! Ainda acho que a Mercedes tem um conjunto melhor mas a Ferrari está MUITO próxima. Será um campeonato decidido nos detalhes.E sobre Stroll eu já tenho uma opinião,mas vou comentar depois pois vai ser longo demais...

Humberto Corradi disse...

Bottas sempre foi bem na comparação co Massa, que é bom piloto. Não havia opção melhor no mercado. Acho que ele ainda fará ótimas corridas nesta temporada.

Anônimo disse...

esse papo da mclaren nao ser tao ruim, precisa avisar ao belga ne... pq a diferença entre os pilotos da mesma equipe ta absurda

Jeferson Araujo Pereira disse...

GERARDO FURTADO: grato por esclarecer as punições do Hulkenberg.Eu não quis acordar de madrugada, então vi o VT logo cedo, às 8:15, no SPORTV: eles ficaram boiando e não explicaram que foram duas punições.

Társio disse...

Interessante o consumo semelhante de pneus entre Ferrari e Mercedes na China. Será que com temperaturas mais baixas as flechas de prata consomem menos pneus? Acho que no Bahrein teremos essa resposta.

E que corrida do Verstappinho! A largada e o passão sobre o Ricciardo foram inacreditáveis. The rainmaster strikes again!!

E que coisa linda Vettel batendo rodas com o Ricciardo!

A Red Bull precisa urgente subir a régua e entrar na briga com Mercedes e Ferrari. Como eles tem uma melhor dupla de pilotos que Ferrari e Mercedes, poderão eventualmente disputar o mundial de equipes.

Haas muito bem também!

Corrida tensa, cheia de erros e estrategias. Do jeito que a F1 precisa ser

Abç
Tarsio

Fabrizio Salina disse...

Acho que a primeira grande certeza desta temporada é sobre o verdadeiro lugar de Nico Rosberg no panteão da F1. A cada dia que passa o título dele cresce mais na estante.

Segundo, é que as pessoas acham que dupla de pilotos tem de observar sempre o padrão Senna/Prost, Alonso/Hamilton. Ora, é normal e previsível que um piloto seja mais lento que o outro, até por características de pilotagem. Exigir de um velho Kimi a velocidade de um Vettel ainda jovem (e sempre mais completo) é imaginar que a Ferrari deseje uma rinha, filosofia que nunca praticou, em detrimento até do esporte (basta recordar os nem tão distantes anos Ross Brawn). O papel dele é encher raia, ou melhor, pista.

Sobre o Bottas, esperar que ele chegue se impondo a Hamilton é primarismo. Lewis Hamilton é um outlier. Sempre houve esse tipo de comparações ridículas, como aquela que pretendia ver em Jean Alesi um oponente para Senna, Prost com base numa corrida. Outro ponto, é que Bottas nunca terá as prerrogativas de Rosberg dentro da equipe, pois este foi ajudou a erguer a casa, bateu Schumy, tinha toda uma história nos bastidores, certas prerrogativas e limites de tolerância mais flexíveis. Não esperem que vão aceitar de Bottas a "impertinência" de Rosberg. O foco agora é Hamilton.

Por fim, ou Massa fez sua pior prova, ou há uma falha estrutural nesse carro da Williams. Bisonho.

Humberto Corradi disse...

Fabrizio Salina

Eu penso que o carro da Williams possui limitações. E acho que o tipo de prova na China (pista fria) ajudou a ressaltá-las.

Jeferson Araujo Pereira disse...

Uma das declarações do Felipe Massa foi que "no Bahrein não estará frio e nem vai chover".

Acredito que, se não acontecer nenhuma desgraça com as duas Red Bull e eles pontuarem, Massa deve chegar em 7º lugar no Bahrein, ou entre 8º e 10º.

Gabriel Pereira disse...

Lembro aqui de dizer em 2014 que o Vettel tinha ficado atrás do Ricciardo por muito pouco se fossemos comparar o número de vezes que somente a Red Bull dele tinha dado problema.
O cara é um gênio mesmo.Assim como o Lewis.
2017 promete.E muito..
Será que ainda é cedo pra citar aqueles oportunistas que diziam que o Vettel só foi tetra-campeão porque tinha o melhor carro?

abraços

Jefferson disse...

O Corradi tem razão Charles, estavam muito próximos. E creio que se no fosse a batida do giovinazzi a estrategia de parar primeiro talvez desseba liderança a Vettel.
Em breve veremos eles medirem forças pra valer na pista.
Creio que a ferrari esreja mais rápida, mas fico pensando, será que o 'Hammertime' seria um botão que liga o ritmo de classificação nos prateados?

Jefferson disse...

Eu francamente esperava uma mudança de verdade nos Williams depois da mudança no departamento de aerodinâmica, mas continua o fiasco de sempre, infelizmente.

Jefferson disse...

Olha Corradi, naquele carro talvez até um de nós terminaria bem um campeonato como 2o. piloto (Brincadeira), mas honestamente, o que o Bottas fez perante o Massa nao o credenciava para a vaga. A falta de opções talvez.
Mas talvez o próprio Massa fosse uma melhor escolha, haja vista o que você mesmo defende no quesito de desenvolvimento de carro, mais gente gabaritada, mais retorno. Experiência! E sem erros bobos.

Jefferson disse...

Sim, ele foi campeão pq tinha o melhor carro Gabriel, assim como a maioria dos campeões, sobretudo os recentes.
Mas concordo que algumas das disputas eram mais parelhas.
Pra ser campeão tem que ter no mínimo o 2o. melhor carro e nao mais que 0.3 mais lento, ai realmente o talento pode igualar as coisas.

Daylson Elder disse...

Que péssima transmissão da Globo.Eles apenas mostraram 5 segundos de punição,que depois virou em 10.Mas não disse que tinha outra.Estranho demais.
Hulkenberg foi punido por estar lento demais no trecho???foi isso mesmo??
Meu Deus.Que horrenda corrida da Williams cara.Tem alguma coisa erradissima lá e parece ser bem grave hein.Sobre o Stroll,também prefiro esperar e ver no que dá.

Melhor momento da prova pra mim:
Ultrapassagem de Vettel em Ricciardo.
Lembrei de Mansell e Senna na Bélgica se não me engano, roda com roda.
Foi em 91 ou 92 acho...emocionante.

Pior momento pra mim:
Ver o Alonso abandonando.Que vexame.

Obs: primeira vez também que alguém diz que a McLaren melhorou.A mídia em geral diz que o carro é um lixo de tão lento que é.

Renato Santos disse...

Essa página de comentários é a cereja no bolo do blog.

Romero Junior disse...

A mudança só pode vir ano que vem, quando o atual departamento do carro vai agir no carro, vemos que o carro da Williams é o mais conservador de todos dessa temporada.