sábado, 12 de dezembro de 2015

Pequenas Passagens
















Testes

Jose Carlos Pace experimentando o motor Alfa Romeo na Brabham.

Paul Ricard.

O que disse o piloto brasileiro?

"A máquina é doce!"

No entanto todos só tinham olhos para o bólido que a Tyrrell havia levado
para a França.

(com seis rodas...)

Todos, menos um.

Emerson Fittipaldi parece ter ficado interessado mesmo no coração do
carro de seu compatriota.


5 comentários:

Renato Santos disse...

Muito bom, menino, está conseguindo, com esse seu acervo estupendo de fotos, contar a história ilustrada!

Renato Santos disse...

E essa sua memória poderosa e sua curiosidade indomável!

Ron Groo disse...

é que Emmo sabia das coisas.

Oscar Batista Lopes Junior disse...

talvez já pensando em uma possível parceria da Copersucar com a Alfa

Juanh disse...

El BT45 blanco, de la presentación de fines de 1975, es el más lindo Brabham de todos los tiempos. En la pista se arrastraba, ¿pero eso a quién le importa?
Abrazo!